15 abril 2008

Não desejar aquilo que pertence ao teu próximo Êxodo 20, 17

No site da Fundação Betânia foi publicado mais um estudo do Livro do Êxodo, no âmbito do Projecto Ler a Bíblia, coordenado por Nicoletta Crosti.
Estes estudos podem ser comentados no Ouvido do Vento.

(...)
"Com o versículo Ex 20,17 concluem-se as dez palavras, que se centram todas à volta de dois grandes pilares :

1. A recusa de qualquer idolatria Eu é que sou o Senhor e mais ninguém (Is 45,18). Nada pode ocupar o lugar de Deus, nem uma pessoa humana, nem um ser vivo, nem uma ideologia, nem a ciência, nem a técnica, nem o mercado, nem o dinheiro… a lista pode ser infinita, dada a facilidade com que a criatura coloca outra coisa como valor supremo, no lugar de Deus.

2. A procura da justiça. Procura a justiça, e só a justiça (Dt 16,20). A justiça humana deve modelar-se a partir da justiça divina, que é terreno de salvação e de vida plena para todos. É qualquer coisa que vai além da justiça humana, que se enforma no respeito dos direitos de cada um de nós. É empenhar-se em ajudar a outra pessoa a atingir em pleno a imagem de Deus que traz em si. Sejam santos porque eu sou santo (Lv 11,45).
- Nicoletta Crosti,
Não desejar aquilo que pertence ao teu próximo
- Êxodo 20, 17
-

- [ Versão integral ]

Sem comentários:

Enviar um comentário

A publicação de comentários está sujeita a moderação.
Maria do Céu